VTEX E-commerce: conheça a plataforma e suas integrações

Se você deseja conhecer a plataforma VTEX E-commerce e saber mais sobre as possíveis integrações, siga a leitura, pois este guia vai te apoiar.

Além destas respostas, ao final do artigo, nós vamos falar também a respeito da importância de integrar essa ferramenta a um CRM para o varejo.

Vem com a gente conferir?

O que é a VTEX?

A VTEX é uma empresa brasileira, fundada no ano de 2000, pelo especialista em comércio eletrônico, Mariano Gomide de Faria, atual co-CEO.

A VTEX disponibiliza uma plataforma moderna de comércio digital, que possibilita às empresas, especialmente varejistas, um Go-To-Market mais célere e, consequentemente, vendas rápidas num curto espaço de tempo.

Veja alguns resultados e conquistas da VTEX:

  • Presença em +38 países por meio de 18 escritórios;
  • Já contam com + 1.300 funcionários em todo o mundo;
  • São idealizadores do VTEX DAY; um dos maiores eventos de digital commerce do globo;

A carteira de clientes da VTEX é extensa e têm varejistas renomados como Carrefour, Walmart, Hering, Rede de Farmácias Pague Menos, Grupo Soma e etc.

Soluções e serviços da VTEX

A VTEX é uma plataforma SaaS (Software as a Service), baseada em nuvem, que oferece diversas soluções, tanto para o mercado B2C quanto para o B2B.

Na ferramenta, você poderá criar um marketplace, cadastrar produtos, gerenciar pedidos, monitorar a jornada omnichannel dos clientes, integrar o estoque da loja física e virtual (prateleira infinita), dentre muitas outras possibilidades.

Quando as marcas varejistas aderem a essa tecnologia, elas economizam tempo e passam a focar naquilo que realmente importa para o negócio: criar estratégias comerciais e de CRM para maximizar o faturamento.

Diferenciais da VTEX

A plataforma é low code, então, mesmo com pouco conhecimento, você conseguirá operá-la sem problemas.

A interface é intuitiva e possui o famoso sistema de “arrastar e soltar blocos”, com vários templates prontos.

A VTEX permite cadastrar o catálogo da loja em diversos marketplaces, logo, você também poderá vender produtos através de plataformas como a Amazon ou Mercado Livre.

Por meio do Headless Commerce, front-end e back-end podem funcionar independentemente.

Apesar destes pontos, um dos grandes diferenciais da VTEX é a facilidade de integração com os principais ERPs e CRMs.

CRM para VTEX

E já que falamos na integração entre VTEX e CRM, um dos softwares mais buscados é o da Dito CRM.

Quem é a Dito CRM?

A Dito é uma empresa de tecnologia com mais de 15 anos de mercado. 

O escritório sede fica em Belo Horizonte (Minas Gerais), porém, há também uma unidade no Cubo Itaú, em São Paulo.

Mais de 15.000 usuários, entre vendedores, gerentes e analistas utilizam o CRM da Dito. E grandes marcas como Chilli Beans, Grupo Soma, Lojas Zema, Inbrands e Polishop compõem a carteira de clientes da empresa.

O CRM da Dito integra canais online (E-commerce, APPs) e offline (Loja Física), proporcionando o desenvolvimento de estratégias omnichannel que perpassam por mídias variadas como E-mail, WhatsApp, SMS e Notificações Push.

E, claro, uma das integrações mais importantes da plataforma é com o VTEX E-commerce.

Integração entre a VTEX e o CRM da Dito

A integração pode ser feita via VTEX CMS ou VTEX IO, sendo que a finalização do processo não ultrapassa 1 semana.

Quando o e-commerce estiver integrado ao CRM, passaremos a traquear, em tempo real, os comportamentos de navegação dos clientes, inclusive, as compras com pagamento aprovado.

Diante disso, vamos captar eventos como os que seguem abaixo (exemplo):

  • Acessou página inicial;
  • Acessou categoria;
  • Acessou produto;
  • Adicionou produto carrinho;
  • Abandonou produto no carrinho;
  • Acessou checkout;
  • Fez pedido;

Assim que o monitoramento desses comportamentos tem início, o varejista, de imediato, poderá configurar campanhas automáticas para impactar as pessoas que estão (ou estavam) navegando na loja e acelerar a decisão de compra.

Outro ponto positivo é que, por meio da consulta diária à API da VTEX, os cadastros de clientes são sempre atualizados, independentemente se houve, ou não, um novo pedido fechado pelo consumidor.

E por fim, há também a possibilidade de implementar traqueamentos customizados como, por exemplo, puxar qual foi o código de vendedor de loja física preenchido pelo cliente antes de concluir uma compra.

Bem interessante, não é!?

Se você gostou destas alternativas e quiser saber mais sobre o tema, clique no banner abaixo e agende agora uma consultoria gratuita com o nosso time de especialistas. Te aguardamos!

Fale com um especialista da Dito

Posts Similares

2 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *