CDP (Customer Data Platform)

O que é CDP (Customer Data Platform)?

No atual cenário do varejo, onde a efetividade das estratégias de marketing depende cada vez mais de dados sobre os clientes, os varejistas estão enfrentando desafios significativos para a coleta, unificação e utilização dessas informações.

Nesse contexto, o Customer Data Platform (CDP), surge como uma solução poderosa para resolver essas “dores” das marcas.

Portanto, neste artigo, vamos explicar o conceito de CDP e esclarecer como essa plataforma de dados pode ser aplicada para gerar inteligência e segmentações avançadas da base de consumidores.

Vem com a gente conferir?

O que é CDP?

Uma Customer Data Platform (CDP) é uma plataforma projetada para coletar, unificar, gerenciar e enriquecer dados e informações sobre os clientes de uma empresa.

Essa ferramenta atua como um ponto central que reúne dados provenientes de diversos canais do varejista, como E-commerce, Lojas Físicas, Aplicativos e etc.

Ao unificar essas informações, uma CDP permite a criação de perfis detalhados dos clientes, proporcionando uma visão holística e abrangente de cada indivíduo e/ou de grupos específicos.

Breve histórico do CDP

Antes do desenvolvimento dos CDPs, os empresários, como dissemos na introdução, tinham “barreiras” para coletar, armazenar e unificar os dados dos clientes.

Uma vez que eles tinham (têm) sistemas diferentes para gerir lojas físicas e virtuais, as informações ficavam descentralizadas e/ou duplicadas, resultando assim, numa visão fragmentada, incompleta e incorreta sobre as características e comportamentos dos clientes da marca.

Além disso, a falta de integração entre os sistemas dificultava a realização da segmentação da base e, por consequência, a configuração e automação de campanhas de marketing personalizadas.

Com isso, olhar para a base de consumidores de uma forma organizada e inteligente era algo extremamente desafiador e praticamente inviável, afinal, para isso seria necessário ter uma estrutura robusta e complexa ou até depender de muito trabalho manual.

Como o CDP resolve esses problemas?

Coleta de dados

Uma CDP é uma solução completa que permite a coleta, o armazenamento e a unificação de dados dos consumidores. 

Ao integrar-se a diferentes fontes de dados (ERPs, Plataformas de E-commerce, APPs e outras bases), o CDP permite a captura de informações valiosas em tempo real, garantindo que os perfis dos clientes estejam sempre atualizados.

Além disso, também possibilita buscar dados relacionados ao comportamento dos consumidores para com as marcas como, por exemplo, compras, navegação no e-commerce, geração e utilização de cashback, programas de fidelidade, entre outros.

Unificação de fichas

Uma funcionalidade central do CDP é a unificação dos perfis dispersos dos clientes, permitindo assim, organizar melhor os cadastros.

Ao conectar dados provenientes de diferentes fontes, o CDP elimina silos de informação e cria uma visão única e consistente de cada cliente. 

Isso permite que as empresas tenham uma compreensão precisa do comportamento, das preferências e do histórico de compras de cada indivíduo, resolvendo a “dor” do varejista em relação à falta de visão holística da base.

Gerenciar dados e informações

O CDP não apenas armazena dados, mas também oferece recursos avançados de gerenciamento e organização das informações. 

Com a capacidade de classificar, indexar e marcar os dados, o CDP facilita o acesso e a pesquisa posterior.

Dessa forma, o analista de CRM pode localizar rapidamente informações relevantes e utilizá-las para a criação de campanhas personalizadas e direcionadas, sendo também um grande aliado no cumprimento da LGPD.

Enriquecer perfis

Além de unificar dados, um CDP permite o enriquecimento dos perfis dos clientes. 

Ao se integrar a fontes externas de dados, como provedores de dados de terceiros, o CDP agrega informações adicionais aos perfis existentes. 

Com o enriquecimento de dados, as empresas obtêm uma compreensão ainda mais profunda dos clientes, incluindo interesses, comportamentos e preferências, resolvendo a dor do varejista em relação à falta de insights detalhados sobre seu público-alvo. 

CDPs mais avançados utilizam inteligência artificial e modelos estatísticos próprios para dar mais insumos aos perfis dos consumidores.

Segmentações avançadas

O CDP possibilita a realização de segmentações avançadas, resolvendo a dor do varejista no que tange à falta de direcionamento e customização nas estratégias de marketing.

Com base nos dados coletados e unificados pelo CDP, as empresas podem segmentar os clientes embasadas em características específicas, como perfil demográfico, comportamento de compra e engajamento. 

Além disso, estratégias de clusterização de consumidores, como a análise RFM ou RFV, podem ser aplicadas para identificar grupos de clientes com maior potencial de compra e engajamento, o que potencializa a estratégia de comunicação com base em modelos estatísticos e em comportamentos.

Resumindo

O Customer Data Platform (CDP) é a resposta para a dor do varejista em relação à coleta, unificação e utilização eficiente de dados no marketing.

Ao resolver essas dificuldades, o CDP proporciona uma visão holística dos clientes, permitindo segmentações avançadas e estratégias de clusterização eficazes. 

Com um CDP, as empresas têm acesso à inteligência de dados necessária para impulsionar resultados excepcionais no marketing, direcionando suas estratégias de forma personalizada.

Ao resolver a questão relacionada à gestão de dados e segmentação, o CDP se torna uma ferramenta indispensável para empresas que desejam maximizar o potencial de suas ações de marketing e alcançar resultados significativos.

Conhecer o CDP da Dito

No CDP da Dito você encontrará soluções para conhecer e aproveitar ao máximo o potencial da sua base ativa de consumidores, possibilitando uma taxa de recompra maior. 

Também será possível aproveitar qualquer fonte de dados de comportamentos e características. Temos uma estrutura baseada em APIs, que favorece integrações de forma simples e rápida.

Ecossistema único e integrado

Hoje em dia, o varejo utiliza cada vez mais soluções descentralizadas para conseguir abranger todas as interações dos consumidores com as marcas, afinal, esse é um dos grandes desafios em ser omnichannel.

Dentro do nosso CDP, é possível trazer todos esses dados e integrar tudo no mesmo lugar. Acesso simples, prático e organizado.

Perfil unificado

É muito comum haver fichas de clientes duplicadas em outras plataformas.

Com base em parâmetros, é possível unificá-las para que a gestão do relacionamento com o consumidor seja mais completa e eficiente, permitindo que os dados de diversas fontes sejam contemplados no mesmo perfil.

RFM / RFV

A Metodologia RFM (ou RFV) se trata de um dos modelos mais eficientes para o varejo.

Essa metodologia estatística leva em consideração 03 pilares para construir clusters de consumidores: Recência, Frequência e Valor Monetário. 

Com base nestes parâmetros, é possível aprofundar o conhecimento sobre os diversos perfis de clientes presentes na sua base.

Segmentação sob medida

Entendemos que apesar de agregarmos informações preciosas para uma segmentação mais eficiente, quem realmente conhece o consumidor é a própria marca, afinal, é ela quem dita conceitos e mexe com o “sonho” do cliente.

Por isso, oferecemos todo o nosso poder de segmentação, em tempo real, para que o time de CRM possa explorar a base ativa da melhor forma possível, utilizando qualquer dado de comportamento ou característica, como os clusters do RFM ou o Dito Score.

Fale com a Dito

Agora que chegamos até aqui, se você acredita que a sua marca precisa de uma CDP (Customer Data Platform), clique no banner abaixo, preencha o formulário de contato, e agende uma demonstração gratuita. Te aguardamos.

Fale com um especialista da Dito

Posts Similares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *